FNA em Porto Alegre

A convite do MP de Porto Alegre a Frente Nacional AntiRracista, representada por algumas das instituições que compõe o Movimento, sendo elas:
CUFA – Central Única das Favelas
Rede Quilombação
Instituto Luiz Gama
Coletivo Negro Vale RS
Jornal Empoderado
Nova Frente Negra Brasileira
Formação Antirracista
ACEA Afro Brasileira Ogban
IVE Tratamento da alma Embu Guaçu
Fundação Zundara
UNEGRO
CEAP
Instituto GUETTO
Frente Favela Brasil
A Tenda das Candidatas
Viradão Cultural Suburbano
Esteve em reunião de apresentação do trabalho do MP ainda em construção.
O MP apresentou as instituições e lideranças que compõe a FNC alguns pontos do TAC – Termo de Ajuste de Conduta o qual o MP estará apresentando futuramente ao Carrefour.
Nessa escuta o MP ouviu e acolheu as contribuições da FNA que enviou ao MP os 28 pontos da Frente Nacional Antirracista e também alguns novos pontos abordados em reunião.
A FNA espera uma postura ágil e enérgica do MP no que diz respeito a responsabilização pela morte de João Alberto, ao acolhimento e reparação para família, uma mudança de postura do Carrefour com a comunidade, trazendo ações efetivas para comunidade negra impactada diretamente com as sequelas do caso.
A FNA convidou o MP para que possa junto com a Frente Nacional Antirracista avançar com outras empresas na criação de comitês externos para acompanhamento de implantação de ações afirmativas, considerando que o problema é de racismo estrutural e por isso precisamos a atingir mais amplamente o mundo empresarial.

0 comments on “FNA em Porto Alegre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias